IMLB - Instituto Mãos Limpas Brasil

Missão: Ser a Entidade mais ética da História do Brasil

Diretor de Redação

Mtnos Calil

Menu do Usuário

Login

"Antigamente os cartazes nas ruas com rostos de criminosos oferecia recompensas, hoje em dia pede votos...
E o pior é que o BRASILEIRO dá...

 

Histórico Profissional - 40 de experiência multidisciplinar.

 

I - Década de 60.

 

 

De 1961 a 1970 trabalhou em pesquisa de mercado e de opinião pública. Ocupou todas as funções básicas desta atividade: entrevistador, supervisor de campo, tabulador, supervisor de tabulação, planejador, analista e diretor de projetos. Introduziu conceitos e técnicas da Psicanálise no planejamento e na execução de diversos estudos mercadológicos. Realizou cerca de 15 mil entrevistas e cerca de uma centena de pesquisas. Foi o primeiro analista de pesquisa do Instituto Gallup (1963). 

 

Destaques:

 

* Participou de pesquisas para a Embaixada Americana/Aliança para o Progresso. 

* Subsidiou a introdução dos produtos Danone no Brasil, tendo sido responsável pelo lançamento de    Danoninho em nosso país. Na ocasião o Presidente da Danone o chamou de "pai do Danoninho"

* Realizou diversos estudos psicológicos detectando as motivações inconscientes do uso do automóvel. 

 

II - Década de 70

 

De 1971 a 1980 trabalhou em diversas agências de propaganda, onde ocupou diferentes funções, tais como:  Diretor de Pesquisa, Diretor de Mídia e Diretor de Planejamento de Comunicação e Marketing - nas seguintes agências: Nexus Publicidade, Gang Publicidade, de Lívio Rangan, Salles Interamericana, de Mauro Salles, Standard, do Grupo Ogilvy & Mather e Novagência, do Grupo Herbert Levy. Ainda nesta década, foi gerente de Propaganda e Serviços de Marketing da Danone e da Cica. 

 

Destaques:

 

* Dedicou-se, durante o período de um ano, a um amplo estudo sobre o negócio da propaganda, prevendo a crise mundial que iria atingir o setor na década seguinte. 

* Estudando o processo de ascensão das classes médias, previu o "boom" da construção civil no Brasil. 

 * Fez o plano de lançamento da TV em cores no Brasil, prevendo um volume de vendas significativamente superior ao previsto pelas "4 irmãs" da época: GE, PHILCO, PHILIPS e TELEFUNKEN, que pensavam vender apenas 60 mil aparelhos no primeiro ano de lançamento, quando na época existia pelo menos um milhão de potenciais compradores. As indústrias tiveram que rever seus planos de produção, com base neste estudo. 

* Como publicitário, atendeu a dezenas de contas de grandes grupos empresariais nacionais e estrangeiros. 

* Foi membro do Grupo de Mídia de São Paulo. Introduziu o Sistema GRP (Gross Rating Point) nas programações de rádio. Elaborou diversas sugestões visando o aperfeiçoamento da metodologia de pesquisa de mídia do IBOPE, as quais foram implementadas por este Instituto. 

* Iniciou sua análise clínica com um dos melhores analistas contemporâneos, selecionado após cinco anos de pesquisas em São Paulo.  

 

 

III- Década de 80.

 

A partir do ano de 1980, passou a atuar como Consultor em diversas áreas de atividade, tais como: 

 

1. Marketing político. 

 

Destaques:

 

* Em 1985 assessorou a campanha de Fernando Henrique Cardoso à Prefeitura de São Paulo. Fez recomendações chaves que não foram seguidas pelo candidato. Previu a sua derrota para Jânio Quadros e redigiu "Os motivos da derrota de Fernando Henrique". 

* Em 1986 trabalhou na campanha de Orestes Quércia. Fez recomendações que foram seguidas pelo candidato. Previu a sua vitória e publicou o artigo "Cinco motivos fundamentais da vitória de Orestes Quércia". (Além deste artigo dispõe de um relatório de 190 páginas onde suas decisivas contribuições para a vitória deste candidato estão condensadas)

 

2. Recursos Humanos

 

Destaque: 

* Com base em sua experiência diversificada em análise (individual, em grupo, de casal e de família, aliada ao estudo de boa literatura inglesa e americana, passou a atuar como Consultor de Recursos Humanos, nas áreas de seleção e treinamento. Criou diversos sistemas de Recursos Humanos, a exemplo do TBS - "Training Before Selection", do TLC -"Treinamento de Lógica na Comunicação". Especializou-se no treinamento de executivos de alto escalão, objetivando a otimização do seu potencial de desenvolvimento profissional e pessoal. 

 

3. Consultoria organizacional. 

Destaque: 

* Com base em sua vivência multidisciplinar, desenvolveu métodos de análise de organizações públicas e privadas que, quando adequadamente aplicados, produzem resultados em prazos mais curtos do que o habitual. Estes métodos permitem a identificação rápida e objetiva dos problemas organizacionais, bem como a implantação de um programa estratégico de mudanças. Quando é chamado para analisar um problema organizacional pertinente a uma área específica de uma empresa ou instituição, procura demonstrar como este problema está vinculado a outras áreas, demandando uma solução integrada. 

 

4. Outros destaques: 

 * Pesquisa Social.

Montou e dirigiu, durante mais de dois anos, um centro de estudos sobre os problemas sociais do Brasil, onde implantou uma biblioteca com acervo de mais de 15 mil documentos e 500 publicações, classificados em mais de 100 assuntos. Redigiu diversas monografias dentre as quais "100 anos de República, 100 anos de permanência de problemas", onde mostra que a inflação é um problema que já perturbava a nossa economia desde o início do século. 

 

 

* Trabalhou, da década de 80 para diversas empresas e instituições como: São Paulo Alpargatas, Ellus Ind. e Com., Caixa Econômica do Estado de São Paulo, Indústria de Bicicletas Caloi, Beta (à época o maior fabricante de relógios do país), além de candidatos a postos eletivos (O.Quércia, Fernando Henrique Cardoso, Adhemar de Barros Filho, Goro Hama e Newton Rossi, de Brasília).

 

IV - Década de 90. Terminou a sua análise pessoal, que teve a duração de 20 anos. 

 

Entrou nos anos 90 promovendo uma profunda reciclagem dos conceitos e metodologias de administração de empresas que havia aplicado na década de 80, apropriadamente chamada pelo Prof.  Roberto Campos, de "década perdida".

 

  1. 1. Reengenharia. 

Participou de diversos seminários internacionais. Revisou  em profundidade os conceitos de Reengenharia formulados por Michael Hammer, Thomaz Davenport e outros autores.

 

 

Adaptou o sistema TBS à Reengenharia, ao inverter o conceito clássico de seleção, passando a fazer treinamento dos candidatos durante o processo seletivo. 

Participou de diversos projetos de Reengenharia, tendo sido autor e coordenador do projeto "REENGENHARIA NA FUMICULTURA, Brasil 1994." Para executar este projeto entrevistou pessoalmente 60 fumicultores, in loco, ou seja em seus minifúndios, distribuídos pelos estados do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina.

 

2. Processos criativos

Recebeu mais de 200 horas de treinamento em processos criativos, ministradas pelo ILACE (Instituto Latino-Americano de Criatividade e Estratégia) e por diretores da Criative Education Foundation, NY. 

 

Foi o principal expositor do FORUM DE CRIATIVIDADE ORGANIZACIONAL, realizado no Clube Transatlântico, em São Paulo, em outubro de 1994. 

 

  1. 3. Outras informações.

Atendeu nesta década, dentre outras, as seguintes empresas e instituições: M200, Tweed, Laser, Deblu, Grupo São Marco, APPM, Revista Exame, Vision -Cavalera, SINDIFUMO – Sindicato das Indústrias do Fumo (Rio Grande do Sul) – Da Fruta (Pernambuco)

 

Proferiu palestra na Universidade de São Paulo, em dezembro de 1996, sobre o tema "Ascensão e Queda do Marketing”, preconizando mudanças nas relações de mercado.

 

Planejou e coordenou a execução de pesquisa para o Citibank, cujos resultados revelaram como a já clássica arrogância das grandes empresas prejudica a sua performance. As grandes empresas que ocupam posição de liderança ou de destaque nos mercados onde atuam, tendem, com base no próprio sucesso que obtiveram, a desenvolver um "complexo de superioridade" que afeta suas relações institucionais e prejudica seu desempenho mercadológico.

 

 

IV – A partir do ano 2000

  1. 1. Internet.
  • Passou a dedicar grande parte do seu tempo à Internet, estabelecendo contato com dezenas de grupos e milhares de pessoas, quando descobriu uma nova metodologia empresarial chamada "Gestão do Conhecimento" (Knowledge Management) na qual identificou um viés negativo tecnologizante e criou o grupo virtual GCBRASIL (gestão do conhecimento de 2ª. Geração que inverte o conceito da GC de 1ª. Geração, colocando a tecnologia como ferramenta do conhecimento. (e não o conhecimento como ferramenta da tecnologia.)
  • Está trabalhando na implantação de sistemas gerenciais à distância, já tendo feito vários testes bem sucedios, na área treinamento de comunicação, usando o skype (áudio, imagem e texto) como ferramenta. 
  • Considera que falta à tecnologia bases humanistas que otimizem a comunicação e o relacionamento à distância. Trabalhou  no desenvolvimento de um sistema de coordenação de processos via Internet em parceria com a empresa Portal Tecnologia, sediada em Recife, a qual atende grandes empresas nacionais e multinacionais, tais como: M&G, sucessora da Rhodia na fabricação de fibras sintéticas, Saint-Gobain Abrasivos, líder mundial na fabricação de lixas; Nordesclor, indústria química do Grupo Votorantim;Tissen-Krupp, fabricante mundial de pontes de embarque para aeroportos; Asa-Vitamilho, derivados de milho; Grupo João Santos, cimento e papel; Infraero; Chesf, geradora de energia elétrica da região NE; Celpe, concessionária de energia elétrica de Pernambuco.
  • Dedica-se hoje ao estudo e implantação de "Estratégias para o século XXI" com base na teoria da complexidade, que privilegia o pensamento não linear e a imprevisibilidade, colocando em segundo plano os conceitos clássicos do planejamento estratégico do século XX.
  • Prosseguiu em suas atividades de seleção e treinamento, comprovando num processo seletivo para uma empresa de engenharia localizada em São Paulo – “Projetar”, como a competência de comunicação e relacionamento é pre-requisito básico para o bom desempenho de profissionais de aréas técnicas.
  • Escreveu o livro virtual "Lógica na Comunicação Humana" que se encontra disponivel para download no site da editora Vivali, associada à Bovespa. - http://cto.verticce.com/livros/logica_comunicacao/content
  • Criou o projeto Only Doubles “Tênis-Relacionamento”, uma inovação mundial que integra o ensino do jogo de tênis (duplas) com a comunicação e o relacionamento na quadra e fora dela.

 

Observação final: ao longo de sua vida, participou, ora como aluno, ora como professor, de dezenas de cursos nas áreas de filosofia, psicologia, psicoterapia, lógica, marketing, propaganda, recursos humanos e outras. Possui uma biblioteca pessoal com cerca de 600 volumes.

 

Anexo Especial para Empresas de Confecção 

Planejamento Estratégico

Começou a atender a clientes deste setor em 1981, quando elaborou o Planejamento Estratégico da Ellus, seguindo os postulados de Peter Drucker. Neste trabalho, deu dentre outras, as seguintes contribuições: 

  • § Dimensionamento do mercado de Jeans, que na época não dispunha de estimativas confiáveis; 
  • § Proposta de fundação de associação dos fabricantes de jeans que veio a se denominar Abrajeans; 
  • § Implantação de nova metodologia para o zoneamento nacional de vendas, com base em índices de potencial de consumo por município. 

Ellus

Ocupou por cerca de 2 anos a gerência de marketing e propaganda da Ellus, quando realizou diversas pesquisas junto a consumidores visando subsidiar o lançamento de novos produtos, como por exemplo, "stone washed". Reformulou a política de comunicação da empresa, cujos elevados investimentos em propaganda não mais lhe proporcionavam retorno compatível. Com a experiência que havia adquirido anteriormente em mídia, substituiu os contratos anuais de patrocínio por "flights" de programação em horários e programas de menor custo relativo (GRP). Depois de deixar de ser funcionário da Ellus, atuou como consultor para esta empresa durante cerca de 10 anos.

Recursos Humanos

Como consultor de Recursos Humanos, assessorou as empresas de vestuário, já mencionadas neste currículo. Ampliou o conceito de "Recursos Humanos" para o de "Relações Humanas", onde a realização profissional se integra à realização pessoal. Desenvolveu métodos de seleção e treinamento diferenciados e sintetizados no TBS –  Training Before Selection.

Promoveu o aumento de produtividade e racionalização do trabalho de mais de 100 profissionais do setor. A sua experiência tem revelado que os funcionários das empresas resistem menos a mudanças de hábitos, atitudes e comportamentos do que os seus fundadores, que em muitos casos, ainda não se aperceberam de um conceito realmente difícil de ser levado à prática: o conceito segundo o qual "as mesmas razões que levaram ao sucesso de ontem podem gerar o fracasso de amanhã".

O "case" da São Paulo Alpargatas. 

Nos anos 80, comprovou através de pesquisa junto a consumidores da marca de jeans US TOP, que era inútil o gigantesco esforço de marketing e propaganda que a empresa vinha fazendo com a marca, através de campanhas de televisão como aquela "Bonita camisa, Fernandinho". As pessoas simplesmente adoravam os comerciais desta campanha, queriam vê-los novamente, e por muitas vezes (10 ou mais!), mas não se dispunham a comprar os produtos anunciados.(A imagem da marca já estava seriamente comprometida.) Com base neste estudo a empresa cancelou grande parte de seus contratos milionários com a maior rede de televisão do país.

Destaques da consultoria realizada para M200, Tweed, Laser, Deblu e Germon's. 

  • § Manual de treinamento para lojistas e vendedores. 
  • § Seleção de gerentes de vendas. 
  • § Treinamento de representantes. 
  • § Treinamento de gerentes de produção. 
  • § Implantação de mapas de controle diário dos estoques de matérias-primas e aviamentos. 
  • § Plano descritivo da Reengenharia, aplicado ao setor de produção. 

Pesquisa de mercado. 

Introduziu no mercado de moda vários tipos de pesquisa junto a lojistas, inclusive avaliação de coleções antes de seu lançamento.

O "case" da Elite Confecções - Matão, interior de São Paulo:

Através de uma estratégia de otimização das potencialidades desta empresa, contribuiu para que ela triplicasse o seu faturamento ao longo de alguns anos.

Pin It

Logo TAYSAM Web Design 147x29