IMLB - Instituto Mãos Limpas Brasil

Missão: Ser a Entidade mais ética da História do Brasil

Diretor de Redação

Mtnos Calil

Menu do Usuário

Login

"Antigamente os cartazes nas ruas com rostos de criminosos oferecia recompensas, hoje em dia pede votos...
E o pior é que o BRASILEIRO dá...


Aqui vão, em relação aos esquemas de corrupção, algumas alternativas que apareceram em minha Bola de Cristal.

 

 


Alternativa-1: continuaremos vendo que somente alguns poucos azarados são EFETIVAMENTE punidos. 

 
O desespero e a descrença crescentes, que atingem cada vez mais Eleitores, desembocará em uma Intervenção Militar.

 
Serão adicionados, a uma situação que já é péssima, os malefícios que caracterizam os regimes autoritários.

 

Alternativa-2: aparecerão Governantes, Jornalistas, Contabilistas, Procuradores e Promotores que se interessarão em conhecer propostas de Controle Social >>PREVENTIVO<<, propostas que destroçarão, de forma gradativa e cumulativa, os esquemas de corrupção.

 

Alternativa-3: nenhuma Intervenção ocorrerá. Nem Civil, nem Militar. E o Brasil continuará, por muitas décadas, afundando no pântano de Apodrecimento Institucional em que estamos mergulhados. 


Defendo, é claro, a Alternativa-2 (a Intervenção Civil).

 


E confiando na infinita paciência dos que recebem as mensagens que escrevo, sugiro que cliquem no link e vejam a QUARTA Gravação da Série Intervenção Civill.
https://youtu.be/g3piuV3xgF0

 

Se você preferir LER a transcrição da gravação, a transcrição está disponível no fim desta mensagem.

 

Agradeço antecipadamente por sua atenção.

 

Luiz Otávio da Rosa Borges
Auditor Aposentado da Receita Federal
Telefones - (11)2801.7957 - (11)5524.4210
Skype - loborges
Emails - [email protected] e [email protected] 
Youtube - www.youtube.com/user/loborges52

 

>> se você quiser ver Mensagens anteriores (e futuras), envie, no Facebook, uma solicitação de amizade. Meu nome no Facebook é Luiz Otávio da Rosa Borges <<

 

TRANSCRIÇÃO 


Bom dia!

 


Pense em QUALQUER ÓRGÃO PÚBLICO (FEDERAL, ESTADUAL OU MUNICIPAL).

 


Você não consegue, de modo autônomo e prático, descobrir se existem, no Órgão Público, funcionários que não cumprem as jornadas de trabalho.

 


Se você conseguisse, não haveria funcionários fantasmas (alguns moram fora da cidade, do estado, ou do País em que deveriam trabalhar).

 


Registrar presenças falsas é crime de falsidade ideológica, mas é tolerado, por exemplo, na CGU (Governo Federal) e na CGA (Governo de SP).

 


Na teoria, a CGU e a CGA deveriam ter comportamentos exemplares. Pois é, deveriam...

 


A esperança, entretanto, é a última que morre.

 


Talvez você conheça, entre os milhares de Prefeitos, ou entre as dezenas de Governadores, ou entre os milhares de Procuradores e Promotores do Ministério Público, alguma Pessoa com coragem de conversar, em reunião aberta a interessados, sobre propostas simples de Controle Social PREVENTIVO - propostas que acabarão, em pouquíssimo tempo, com as roubalheiras que infelicitam a Nação.

 


Se você conhece alguma Pessoa com a coragem necessária, favor enviar-me o nome e o telefone dessa pessoa.
Termino... enviando pra você... aquele abraço.

 

 

 

Pin It

Logo TAYSAM Web Design 147x29