IMLB - Instituto Mãos Limpas Brasil

Missão: Ser a Entidade mais ética da História do Brasil

Diretor de Redação

Mtnos Calil

Login

"Antigamente os cartazes nas ruas com rostos de criminosos oferecia recompensas, hoje em dia pede votos...
E o pior é que o BRASILEIRO dá...

     Resultado de imagem para niobio                                             

Estão preparando a rapinagem de uma mina de escândio em Barreiros, Bahia.

O Brasil é um país de minas, é país minerário. Ensinar o Brasil nas escolas como ele deve ser ensinado, é mais do que preciso. As minas estão no território (subsolo, mar territorial etc.)  do Brasil.

As minas do Brasil estão sendo exploradas em uma alta rotatividade, pelos espertalhões e espertinhos da vez, aproveitando-se da ausência de saber por falta de informação da população brasileira – perspicaz, esperta, inteligente e perceptiva.

Estão preparando a rapinagem de uma mina de escândio em Barreiros, Bahia.

..."Na próxima quinta-feira (31.9.2015)  uma Delegação russa composta pelos proprietários da empresa MAST,” ...,” além de geólogos, desembarca em São Paulo, de onde segue para o município de Barreiras, na Bahia, que possui uma enorme reserva de escândio. A viagem foi programada durante a visita da Presidente do Brasil a Moscou,  dezembro de 2012. Na comitiva de empresários que a acompanhou, estava  ex-senador boliviano, diretor para assuntos internacionais da ITAOESTE Mineração e da OMF Mineral Star."... (In, www.defesanet.com.br)

Pela primeira vez, russos e brasileiros esboçam uma parceria nessa área estratégica.

Vai daí que toda a atenção é preciso, porque:

- primeira e principalmente, porque, o produto do qual se trata, está monopolizado constitucionalmente;

- o Brasil é país de minas de metais preciosos;

-o Brasil é país de minas de metais estratégicos geradores de energia;

– porque nióbio é um dos minérios nucleares geradores de energia e esgotáveis, que jazem no subsolo do Brasil;

- porque a Caixa do Tesouro Nacional está carente de recursos para distribuir entre os setores carentes do Brasil;

- porque o Governo brasileiro está desesperado, para conseguir dinheiro para fazer frente às despesas necessárias ao desenvolvimento  do Brasil.

Em "A MÁGICA DA MONTANHA",  encontramos denúncia de crime de lesa- pátria  praticado através do contrabando do nióbio da mina de Araxá, Minas Gerais, Brasil,  para fora do Brasil. (In, Revista Exame, 23 de janeiro de 2013).

A mina de Araxá, MG, produz em alta concentração nióbio - metal altamente estratégico para o planeta. Na denúncia, é enfatizado o agravante de que o Brasil vem pagando para ser espoliado, roubado. Esta prática, conivente com governos passados e  presente, não se limita ao nióbio, mas também a todos os outros metais raros.

Os especialistas comprovam que o Brasil perde mensalmente cerca de 100 bilhões de reais, com o desvio do nióbio.

O nióbio é mineral que só existe no Brasil (97%). O nióbio é mineral estratégico brasileiro esgotável, que está abastecendo, através de sua comercialização, diversas caixas de tesouros nacionais fora do Brasil, de uma maneira nebulosa. Daí porque, toda a atenção é preciso.  

No Instituto dos Advogados do Brasil, gestão do Presidente Fernando Fragoso, foi aprovada por unanimidade uma Indicação na qual se pedia a reserva nacional do nióbio, minério estratégico esgotável, minério de liga, imprescindível às indústrias do Brasil e do mundo.

A referida Indicação foi encaminhada pelo Presidente do IAB ao Presidente da República que a re-encaminhou ao Ministério das Minas e Energia. A resposta do MME foi a de que nióbio era ...”minério farto no mundo, razão pela qual não haveria necessidade de reservá-la”.

Como o Ministério é de Minas e Energia, a assombrosa resposta mereceria até uma CPI – ou, uma operação, nos moldes das atualmente acompanhadas pela população brasileira - para investigar a quem aproveita a desinformação fornecida ao IAB.

Isto porque, como o Brasil é o único produtor de nióbio – deve haver muita gente ganhando muito para desinformar a população brasileira sobre riquezas do Brasil, cuja exploração, exportação, comércio, industrialização etc.- deve ser obrigatoriamente de conhecimento público brasileiro.

O conhecimento público exigido é o do público brasileiro, haja vista que fora do Brasil inexistem segredos sobre os minérios estratégicos que jazem no subsolo brasileiro.

Grande parte da riqueza mineral - nióbio entre elas, mais pedras preciosas, terras raras, etc.- exportada pelo Brasil não paga um centavo de imposto ao fisco Estadual e muito menos ao Federal.

Disto resulta a indiferença das Receitas Estaduais e Federal que não se importam se tais riquezas brasileiras são vendidas por um centavo de real ou hum bilhão de dólares. Daí porque, é, indiferente para as referidas Receitas, o contrabando.

Se são receitas originárias – aquelas que não oneram o contribuinte – têm que pagar sim, com absoluta certeza, os tributos devidos– porque, as mercadorias das quais se trata são mais preciosas do que qualquer outra.

É mais do que urgente o controle, porque trata-se de divisas do Brasil  que estão se esvaindo, se desviando e enriquecendo terceiros fora do Brasil, junto com os prepostos, testas de ferro, et caterva,  dentro do Brasil.

A pergunta que não quer calar: a quem aproveitam as receitas originárias que estão sendo desviadas da Caixa do Tesouro Nacional do  Brasil?

Os perspicazes e atentos contribuintes brasileiros exigem o máximo de informações sobre as receitas originárias que – constitucionalmente têm que diretamente abastecer a Caixa do Tesouro Nacional do  Brasil.

É a  CTN é quem faz a distribuição de rendas entre os  setores da Saúde, Educação, Infra - estrutura e outros, razão pela qual, não pode de modo algum, dispensá-las.

O Brasil merece respeito!

Profa. Guilhermina Coimbra

Pesquisadora CNPq e FAPERJ/1994

Pin It

Logo TAYSAM Web Design 147x29