IMLB - Instituto Mãos Limpas Brasil

Missão: Ser a Entidade mais ética da História do Brasil

Diretor de Redação

Mtnos Calil

Login

NO BRASIL, um motorista do Senado, ganha mais para dirigir um automóvel, do que um Oficial da Marinha, para comandar uma fragata!

         Janot: MP teve reforço no orçamento                                                                      Marcelo Camargo / Agência Brasil

 

Combater a corrupção e outros malfeitos nacionais seria o suficiente para revelar o padrão ético de uma pessoa fisica ou juridica? Não é o que sugere o comportamento de nossos promotores, que no que toca aos gastos públicos manifestam um comportamento semelhante ao dos políticos e magistrados que não vêem nenhum constrangimento no ato de conceder a si próprios os maiores salários do planeta.  Confira na matéria a seguir. 

 

MP brasileiro: elitista e o mais caro do mundo.

São as conclusões de duas pesquisas. Em meio à crise, Procuradoria Geral tem 1 bilhão de reais a mais.
 
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, conseguiu uma façanha. Em tempos de crise fiscal e congelamentos das verbas sociais por duas décadas, o Ministério Público da União, conglomerado comandado por ele, terá neste ano 1 bilhão de reais a mais do que em 2016. Um orçamento total de 6,6 bilhões, alta de 18%. 
 
O reforço financeiro contribui para manter o MP brasileiro, incluídos aí as repartições estaduais, que não se vinculam a Janot, na folgada posição de mais caro do planeta. Um órgão a pagar, com dinheiro público, altos salários e mordomias e composto por um “segmento fortemente elitizado” da sociedade.
 
O gigantismo do MP foi identificado pelo cientista jurídico e social Luciano da Ros, autor de um estudo na Universidade Federal do Paraná intitulado O custo da Justiça no Brasil. O órgão consome 0,3% das riquezas geradas em um ano (PIB). Na Itália, 0,09%. Em Portugal, 0,06%. Na Alemanha e Espanha, 0,02% do PIB. 
 
por André Barrocal  na Carta Capital —  28/01/2017
 
 
Pin It

Logo TAYSAM Web Design 147x29

Selo Google1