Instituto Mãos Limpas Brasil

Missão: Ser a Entidade mais ética da História do Brasil

Diretor de Redação

Mtnos Calil

Login

"Antigamente os cartazes nas ruas com rostos de criminosos oferecia recompensas, hoje em dia pede votos...
E o pior é que o BRASILEIRO dá...

Foto: Aguinaldo Mota

Como as nossas "ôtoridades" esgotaram sua capacidade criativa de resolver problemas que foram se acumulando ao longo dos anos diante da miopia dos governantes que as antecederam, elas se renderam mediocremente a soluções paliativas, que além de não resolverem nada, criam novos problemas para alimentar as estatisticas da tragédia que são ornamentadas  por números espetaculares.

Em breve teremos o "número de mortos por dia" provocadas por acidentes de "byke". Veja a seguir três matérias sobre o assunto e, ao andar pelas calçadas e ruas de nossa "civilização paranóica", tome cuidado para não ser atropelado por uma bicicleta. Teremos agora medo de andar pelas calçadas. Mais um temor para o cardápio da paranóia em processo de globalização. 

Ciclistas e pedestres travam 'guerra' por espaço na rua

Com os 92,3 km de ciclovias, cenas de desrespeito são comuns, como bikes passando no sinal fechado e pessoas nas faixas

Tiago Queiroz/Estadão
Ciclistas e pedestres travam guerra por espaço na rua
Estadão 19/10/2014
SÃO PAULO - Pedestres e ciclistas estão em conflito pelo espaço e preferência nas vias de São Paulo. Bicicletas fazendo conversões na contramão, passando com velocidade sobre as faixas de pedestres e trafegando sobre as calçadas são cenas comuns onde há muitas ciclovias, como na região central da capital. Já os pedestres atravessam fora das faixas e fazem das ciclovias extensões das calçadas.
Na última semana, pelo menos dois pedestres foram atropelados. Na quarta-feira, um homem de 90 anos morreu na Avenida Corifeu de Azevedo Marques, no Butantã, zona oeste da capital. Segundo testemunhas, ele entrou na faixa de pedestre sem olhar e foi atingido por um ciclista, que responderá por homicídio culposo (sem intenção de matar). A avenida ainda não tem ciclovia.
Dois dias antes, uma mulher de 37 anos foi atropelada por um ciclista que trafegava pela ciclovia da Rua Prates, no Bom Retiro, no centro. A mulher foi levada ao hospital e liberada.
Essa região serve como exemplo para os conflitos entre ciclistas e pedestres. A faixa para bike da via é muito usada por entregadores e, ao mesmo tempo, por pedestres que trabalham no bairro. Um estudante de 16 anos, que faz entregas no centro, foi flagrado na quinta-feira pela reportagem do Estado em alta velocidade, freando sobre a mesma faixa de pedestres onde a mulher havia sido atropelada. "Eu ando assim mesmo, sei que está errado, freio em cima deles para chamar a atenção e não para atropelar", afirmou.

Na mesma região, a empregada doméstica Anete Negreiros, de 61 anos, usava a ciclovia para caminhar no sentido contrário ao dos carros. "Se não passa bicicleta, eu posso andar. É bem mais confortável do que ficar na calçada", disse.

Na esquina das Ruas Xavier de Toledo e Sete de Abril, também na região central, mais desrespeito. Dois guardas-civis metropolitanos (GCMs) que pedalavam na ciclovia passaram pela faixa de pedestre na contramão e com o semáforo fechado para eles. Segundo a Prefeitura, os guardas são orientados e obrigados a respeitar a sinalização. Eles podem quebrar as regras somente se estiverem em atendimento.

A ciclovia no trecho é confusa e tem pouca sinalização. Os ciclistas sobem a Rua Xavier de Toledo por uma ciclovia larga que, na faixa de pedestre, vira uma tira vermelha estreita. "A sinalização é ruim e ainda está confusa. É como se não tivesse mais a ciclovia", justificou um dos guardas.

Educação. O secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, afirmou que a Prefeitura está preparando uma grande campanha de educação no trânsito. "Estamos fazendo algumas peças publicitárias, materiais impressos e também vamos fazer campanhas em rádio, televisão e jornais para educação no trânsito relacionadas aos ciclistas." Ainda de acordo com Tatto, a cidade está "se acostumando" com as ciclovias. "É algo novo, que veio para ficar. As pessoas estão se adaptando", disse o secretário. Nesta gestão, a cidade ganhou 92,3 km de vias para ciclistas./COLABOROU CAIO DO VALLE

Acidente com bicicleta deixa criança morta e adolescente ferida em MG

Adolescente perdeu controle da bicicleta e bateu em muro em Juiz de Fora. Criança de seis anos morreu na hora.

07/'05/2014 - G1

 Uma menina de seis anos morreu e uma adolescente de 13 anos ficou ferida após um acidente de bicicleta no Bairro Nossa Senhora de Lourdes, em Juiz de Fora, no final da tarde desta terça-feira (6). Segundo informações da Polícia Militar (PM), por volta das 17h30, a adolescente conduzia uma bicicleta pela Rua Energina Ernesto Guilherme, carregando a criança, quando perdeu o controle da direção, batendo contra o muro de uma casa na Rua Maria Gonçalves Torres.

A criança morreu na hora e o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Juiz de Fora. A adolescente foi socorrida e levada para o Hospital Maternidade Therezinha de Jesus. De acordo com a assessoria da unidade, ela está no Centro de Terapia Intensiva (CTI), o estado de saúde é regular e a evolução é estável.

Acidente entre moto e bicicleta deixa um morto e dois feridos no Padre Zé

Da redação com Aguinaldo Mota
Acidente entre moto e bicicleta deixa um morto e dois feridos no Padre ZéFoto ( Aguinaldo Mota)

Um grave acidente, que pode ter sido provocado por uma brincadeira, aconteceu na noite desta sexta-feira (29), na Rua principal do Padre Zé.

Segundo informações de populares, um casal descia a ladeira sentido Presidio do Roger, quando colidiram de frente com uma moto, que seguia sentido contrário.

No acidente, a jovem Camila Lima de Mendonça, 18 anos, morreu na hora. O jovem Rubelandio que conduzia a bicicleta e outro identificado como Denis, que pilotava a motocicleta, ficaram feridos e foram socorridos para o Hospital de Emergência e Trauma em uma ambulância do Samu.

Informações dão conta, que a jovem estava sentada no guidão da bicicleta e o motociclista que vinha em sentido contrário, estava empinando a moto, o que terminou com o acidente fatal.

A policia vai investigar as circunstancia do acidente, para identificar o que provocou o sinistro.

http://www.clickpb.com.br/noticias/policial/acidente-entre-moto-e-bicicleta-deixa-um-morto-e-dois-feridos-no-padre-ze/

Pin It

Logo TAYSAM Web Design 147x29